domingo, 09 de dezembro de 2018
89 99414-7033
Cidades

16/02/2018 ás 12h19

129

ALISSON SOARES

Santo Inácio / PI

Bailarino de Picos desfila em duas escolas de samba no Rio de Janeiro
Kaique Barboza dos Santos se mudou para o Rio de Janeiro há 05 anos quando passou a integrar a Companhia Petite Danse.
Bailarino de Picos desfila em duas escolas de samba no Rio de Janeiro
Bailarino de Picos desfila em duas escolas de samba no Rio de Janeiro

O talento na dança levou o picoense, Kaique Barboza dos Santos, de 25 anos, a conquistar um feito significativo: desfilar em duas escolas de samba do Rio de Janeiro, na Avenida Marquês de Sapucaí, considerado o maior evento carnavalesco do mundo. O jovem desfilou na Comissão de Frente das escolas Unidos do Cubango no último sábado (10) e Portela na segunda-feira de Carnaval (12).


Kaique Barboza dos Santos se mudou para o Rio de Janeiro há 05 anos quando passou a integrar a Companhia Petite Danse. Nos últimos 04 anos tem se de dedicado a dançar em comissões de frente de escolas de samba. O talento e desenvoltura do picoense logo foi percebido pelos coreógrafos e o mesmo desfilou em anos anteriores pelas escolas Mocidade Independente de Padre Miguel e São Clemente.



Para Kaique Barboza dos Santos, desfilar pela Portela foi retratar a sua própria história de vida. Episódio que o emocionou bastante.


“Participar da Comissão de Frente da Portela foi algo único, pois além de ter feito o que mais amo, que é dançar, representei a luta dos imigrantes que saem de suas terras em busca dos seus sonhos, de uma vida melhor. Me vi totalmente dentro do personagem , pois saí de Picos aos 18 anos para buscar meu sonho na dança”, afirmou Kaique Santos.


O bailarino acrescentou que foi um dos trabalhos mais emocionantes já realizados por ele. “Saí da Avenida totalmente realizado. Foi o trabalho mais lindo e emocionante que já fiz em toda a minha vida. Foi uma grande honra”, concluiu.



Kaique Barboza


A Portela que conquistou o 4° lugar entre as escolas campeãs do Rio trouxe como samba-enredo para a Avenida Enredo: ‘De repente de lá pra cá e Dirrepente de cá pra lá’ que retrata os desafios vivenciados pelos imigrantes. A Comissão de Frente da respectiva escola foi dirigida pelo coreógrado Sergio Lobato com assistência de Marcela Gil. Já escola Unidos do Cubango dançou sobre “O Rei que bordou o Mundo”.



Fonte: Folha Atual

FONTE: Folha Atual

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium